fbpx
  • Clube dos Cinco

    Filmes de terror dirigidos por mulheres

    Caso você faça uma breve pesquisa no Google com as palavras-chave “desigualdade entre homens e mulheres em Hollywood”, encontrará uma série de reportagens a respeito de salários discrepantes. Além disso, não será complicado encontrar matérias apontando que essa disparidade também está ligada à questão racial. E tudo isso não reflete apenas quem está na frente das câmeras, emprestando o seu carisma às produções e contribuindo para levar as pessoas aos cinemas. Se a gente pensa em quem exerce funções “invisíveis”, essa desigualdade se amplia. Para citar a direção, ainda esse ano foi divulgada pelo UOL uma reportagem afirmando que o número de diretoras em Hollywood dobrou de 2018 para 2019.…

  • Clube dos Cinco

    Clube dos Cinco: Vilãs em filmes de horror

    Quando comecei esse especial de Halloween, tínha muito clara a vontade de destacar o protagonismo feminino. Quer ele estivesse ligado a estereótipos clássicos ou às funções em um filme. Entretanto, quando comecei a pensar sobre os vilões do cinema de horror, somente nomes masculinos surgiram na minha cabeça. Freddy Krueger, Hannibal Lecter, Jason Voorhees, Norman Bates, Chucky, Jigsaw… Mas é claro que eu não me conformei. Foi exatamente desse não conformismo que nasceu o Clube dos Cinco: Vilãs em filmes de horror. Pouco depois de fazer esse caminho, soube que isso não acontece só comigo. Escutando um podcast do República do Medo sobre Aileen Wuornous descobri que ela foi tratada…

  • Clube dos Cinco

    Scream queens do cinema de terror

    Os estereótipos femininos estão presentes em todos os gêneros cinematográficos. Por exemplo, mas comédias românticas é comum encontrar as manic pixie dream girls. Elas são garotas fofas, ainda que de um jeito meio atrapalhado, que surgem como “solução mágica” para os problemas do protagonista masculino. Assim, no cinema de horror isso não seria diferente. Ao longo dos anos, vários estereótipos surgiram: a final girl, responsável por vencer o assassino mascarado nos slashers; e, claro, as scream queens, que transitam por vários subgêneros diferentes do terror, não estando necessariamente presas a muitas características marcantes.  Logo, para ser uma scream queen a personagem não precisa ter aspecto virginal. Ela também não necessariamente precisa…

  • Clube dos Cinco

    Comédias românticas que fogem do clichê

    Embora todos os gêneros cinematográficos possuam suas convenções, nenhum estilo ficou tão marcado por isso quanto as comédias românticas. Dessa forma, elas são lembradas como filmes que seguem a mesma fórmula e percorrem o mesmo caminho. Logo, obtém o mesmo resultado: o casal de protagonistas termina feliz. Embora tudo isso seja verdade, existem algumas comédias românticas que fogem do clichê e é exatamente sobre isso que nós queremos falar hoje. Os filmes que compõem o nosso Clube dos Cinco podem até parecer óbvios assim que você começa a assistir. Entretanto, uma série de escolhas dos realizadores acaba fazendo com que eles se tornem surpreendentes, seja por separar os personagens ou…

  • Clube dos Cinco

    Franquias cinematográficas que fracassaram

    As últimas duas décadas foram marcadas pelo sucesso de sagas cinematográficas voltadas para o público infanto-juvenil e adolescente. Entretanto, se a gente para para pensar, percebe que elas também foram marcadas por franquias cinematográficas que fracassaram. .  Do lado do sucesso, nós podemos citar Harry Potter, Jogos Vorazes e Crepúsculo. Um sucesso que, aliás, permanece até os dias de hoje. Assim, em 2020 tanto a saga de Suzanne Collins quanto a de Stephanie Meyer ganharam novos livros. Da parte do “Mundo Bruxo”, uma franquia spin-off, Animais Fantásticos, ainda está sendo levada aos cinemas.  Portanto, nada me soa mais natural do que a indústria cinematográfica pensar que qualquer adaptação de livro…

  • Clube dos Cinco

    Spin-offs que deram certo

    Nos primórdios do Maratonista de Menu, nós organizamos uma lista de cinco spin-offs que não deram certo. Portanto, apesar de terem surgido a partir de programas de sucesso, alguns deles sequer conseguiram sair do papel. Entretanto, recentemente nós percebemos que nunca falamos a respeito do polo oposto: aqueles spin-offs que deram certo e, em alguns aspectos, conseguiram ultrapassar a série que lhes deu origem. Acreditem: eles existem e são mais numerosos do que a gente pode pensar à primeira vista.  Portanto, o nosso Clube dos Cinco de hoje será protagonizado por esses programas. Para tentar escolher algum tipo de recorte nós consideramos o número de temporadas exibidas, o reconhecimento da…

  • Clube dos Cinco

    Crianças “encapetadas” do cinema

    Desde sempre o cinema sempre teve um apreço todo especial por crianças que desafiam qualquer autoridade dos adultos e, com isso, aprontavam as piores bagunças. Nos anos 90, inclusive, isso aparentemente foi uma grande febre. Portanto, várias produções se baseavam justamente nessas crianças “arteiras”, que pregavam peças em adultos ou simplesmente viviam para infernizar algum em específico. Portanto, o nosso Clube dos Cinco de hoje vai falar sobre crianças “encapetadas” do cinema.  Um dos casos mais populares de crianças levadas, porém que não faziam tanto mal assim é o filme “Os Batutinhas”. Nele, um grupo de crianças, que aprontam todos os tipos de brincadeiras, são retratadas como levadas. Entretanto, é…

  • Clube dos Cinco

    Séries com protagonistas anti-heróis

    Muito antes dos adolescentes se encantarem com Peaky Blinders e decidirem que todos eles são frios e calculistas, as séries com protagonistas anti-heróis já estavam nas telinhas. O exemplo mais óbvio disso é citar a maravilhosa The Sopranos, mas para ficar em títulos mais recentes que foram abraçados pelo público, talvez, o ponto de partida desse Clube dos Cinco devesse ser outro.  Então, vamos pegar o primeiro avião com destino à Espanha para falar sobre um grupo de ladrões que roubou mais do que dinheiro. Desde que a Netflix comprou os direitos de distribuição de La Casa de  Papel, a série se tornou um verdadeiro fenômeno. Trazendo um grupo de…

  • Clube dos Cinco

    Filmes e séries coming-of-age LGBTQ+

    Pesamos esse especial do Mês do  Orgulho LGBTQ+ tentando abranger o máximo possível de temas interessantes. Assim, a ideia dessa vez é trazer para vocês um dos momentos mais complicados da vida de um LGBTQ+: a adolescência. Por isso, hoje separamos cinco coming-of-age LBGTQ+ para vocês. O momento em questão para pessoas não-LGBTQ+ já é suficientemente difícil de lidar e de entender tudo que acontece. Agora amplifique toda a dificuldade para uma pessoa que ainda tem que encarar o fato de que ela se sente “diferente” por vários fatores. Portanto, é inegável a dificuldade pela qual os adolescentes passam para conseguir se entenderem como LGBTQ+ e expressarem isso para a…

  • Clube dos Cinco

    Cultura LGBTQ+: da margem ao mainstream

    De uns tempos para cá, a cultura LGBTQ+ tem ganhado cada vez mais espaço em veículos de comunicação. Isso tem acontecido através de séries, filmes e outras formas de expressão. Assim, essa cultura deixou os guetos para ganhar as massas. Entretanto, alguns podem argumentar que a cultura LGBTQ+ ainda está restrita a um nicho. Essa afirmação não é totalmente mentirosa, mas, ao mesmo tempo, não apaga a importância de se ter cada vez mais representatividade em produtos midiáticos. Aqui a gente está no time que acredita que se uma pessoa “de fora” for impactada por um produto LGBTQ+, já ganhamos alguma coisa. Além disso, mesmo que os nichos existam, o…