fbpx
Por Trás das Câmeras

Os episódios proibidos de Pokémon

Os episódios proibidos de Pokémon

Desde a primeira temporada de Pokémon, a Indigo League, exibida entre 1997 e 1999, o anime se tornou um dos mais famosos do mundo inteiro. Entretanto, desde então, tem sido marcado por incansáveis polêmicas. Logo, alguns episódios foram barrados de ir ao ar por cenas que foram consideradas impróprias para a faixa etária que acompanhava o desenho. Além disso, alguns momentos acabaram gerando polêmica por reações não só negativas, mas prejudiciais para os que assistiram. Portanto a nossa Por Trás das Câmeras de hoje vai falar sobre os episódios proibidos de Pokémon

Porém, isso não aconteceu só na década de 90. Em momentos mais recentes da franquia, Pokémon ainda foi alvo de polêmicas.  Assim, um episódio de Sun & Moon acabou sendo banido do Japão depois de ter sido acusado de conter uma alusão a ‘blackface’. Então, os fatos polêmicos do anime não ficaram esquecidos. Mas, muitas pessoas, devido ao conteúdo surreal, chegaram até a cogitar que seria mentira ou até mesmo exagero.

Porém, os episódios proibidos de Pokémon existem e hoje nós vamos comentar alguns desses momentos peculiares que até hoje são comentados. Logo, os episódios proibidos de Pokémon se tornaram até mesmo parte da história da franquia. Portanto, selecionamos alguns destes momento da história dessa gigante que ainda conquista fãs ao redor do mundo. 

Vem com a gente conferir mais sobre os episódios proibidos de Pokémon!

Porygon causou convulsões em crianças?

Os episódios proibidos de Pokémon
Pokémon – Indigo League (1 Temporada) | Onde assistir: Netflix

Essa, com certeza, é a maior polêmica de todos os tempos em relação a Pokémon. Nós poderíamos deixar ela por último, mas não seria tão suspense assim, já que todo mundo liga as polêmicas da franquia com esse episódio específico. O momento em questão aconteceu em Porygon, o Guerreiro Virtual, que faz parte da primeira temporada do anime.

Assim, o episódio mostra Ash em mais uma de suas aventuras com seus amigos no mundo de Pokémon. Ele precisa viajar para um ciberespaço para poder enfrentar seus inimigos da Equipe Rocket.  Nesse contexto, os vilões haviam roubado vários treinadores e também haviam levado com eles um protótipo do pokémon digital, Porygon. 

Portanto, a grande polêmica foi causada pelo mascote da franquia, Pikachu. Para combater os vilões, o amigo de Ash usou seu ataque registrado, o Choque do Trovão, e, com isso, causou uma explosão de raios coloridos. E é aqui que mora a polêmica do episódio: ao que tudo indica, várias crianças que assistiam ao momento na televisão acabaram tendo dores de cabeça, náuseas, tonturas e até mesmo convulsões devido aos vários raios de luz.

Logo, a repercussão negativa fez com que o episódio fosse banido do Japão sem maiores questionamentos. Devido a isso, outros países não quiseram correr o mesmo risco exibindo-o e baniram o episódio também. Esse momento foi tão negativo para a Pokémon que o anime acabou tendo sua exibição suspendida no Japão ao longo de quatro meses. Portanto, “Porygon, o Guerreiro Virtual” abre a nossa lista de episódios proibidos de Pokémon.

2. James e os seios infláveis

Os episódios proibidos de Pokémon
Pokémon – Indigo League (1 Temporada) | Onde assistir: Netflix

Jesse e James sempre foram personagens icônicos do anime e que são extremamente importantes, como todos vilões, para atazanar a vida dos mocinhos. Mas, o que faz desta dupla peculiar tão inesquecível, pelo menos para mim, são as trapalhadas. Além dos disfarces e das ideias completamente absurdas que eles tinham para tentar enganar seus oponentes e obter vantagem em seus golpes. 

Entretanto, um dos momentos do episódio Bela é a praia, acabou sendo banido de vários países. Isso porque uma cena específica com James foi considerada sexualmente apelativa. Somente países da Ásia permitiram a exibição do momento.

Em mais uma aventura,  Ash e seus amigos estão em Acapulco. Então, Misty decide que irá participar de um concurso de beleza. Só que a amiga de Ash, no meio do caminho, passa a contar com uma inimiga, Brutella. Ela, por sua vez, não quer de forma alguma que Misty consiga vencer o concurso e pede ajuda para quem? É claro que para a Equipe Rocket. 

Vocês devem estar se perguntando qual é a polêmica da Misty com o concurso de beleza. Pois bem: a Equipe Rocket, como não tem nada melhor para fazer a não ser atrapalhar a vida de Ash e seus amigos, decide entrar no concurso. E, sim, eu disse a Equipe Rocket completa. Não só Jessie encara o concurso, como James se mostra disposto a tudo para atrapalhar Misty. 

Para isso, o vilão aparece usando seios infláveis e debocha de Misty dizendo que ela nunca terá seios tão grandes quanto os dele. Portanto, isso foi motivo suficiente para que o episódio fosse totalmente banido por vários países. Afinal de contas, o público do anime era quase que inteiramente formado por crianças na época. Então, “Bela é a praia” entrou para o rol de episódios proibidos de Pokémon.

3. Armas de fogo

Armas de Fogo
Pokémon – Indigo League (1 Temporada) | Onde assistir: Netflix

Se o momento do Porygon é o mais comentado quando se trata de polêmicas de Pokémon, considero que esse seja o segundo. Muitas pessoas citam o episódio como tal  e destacam que ficou marcado na história do anime. Por mais que para alguns o momento passe batido, esse capítulo se tornou conhecido pelo exagero na violência e pelo uso de armas de fogo em um conteúdo voltado para crianças. 

O episódio em questão é o A Lenda do Dratini e acabou sendo banido nos Estados Unidos pelo histórico do país com tiroteios em massa. Portanto, ainda hoje ele é descrito como um dos mais violentos da franquia e o país preferiu banir a exibição. O uso de armas de fogo e de violência foi muito criticado, visto que na cena um homem aparece apontando uma arma para a cabeça de Ash.

E não para por aí: além do homem ameaçar Ash e seus amigos, ele ainda acaba disparando contra a Equipe Rocket, que é atingida. Eu diria que A Lenda do Dratini é realmente bem intenso para um desenho que tem como público  crianças.  De fato, um pouco desnecessário da parte dos criadores este momento.

4. Terremotos no Japão 

Terremotos no Japão
Pokemon – Sun & Moon (3 Temporadas) | Onde assistir: Netflix

Em outros dois momentos, que não aconteceram na primeira temporada do anime, episódios acabaram sendo banidos. Desta vez , entretanto, a situação não foi por violência ou algo do tipo, mas sim por um momento sensível pelo qual o Japão estava passando. 

No episódio Ilha do Tremor! Barboach Vs. Whiscash foram feitas algumas referências a terremotos. Devido a isso, veio a decisão de não exibi-lo no Japão, visto que o país na época havia passado por um terrível terremoto, que acabou gerando um tsunami e resultou em várias vítimas e feridos. 

Além disso, outro que abordou o mesmo tema foi Equipe Rocket Vs. Equipe Plasma Part 1 & 2, que foi feito posteriormente. Entretanto, o clima no Japão ainda era pesado em relação a tragédia que os japoneses havia sofrido pouco antes. Por isso, novamente, veio a decisão de que o episódio não seria exibido na televisão também. 

ATENÇÃO: 

Os episódios comentados no texto, por não terem sido exibidos na TV, não se encontram disponíveis nas plataformas de streaming que listamos. Porém, encontramos alguns disponíveis no YouTube e no Dailymotion. Basta clicar no nome para assistir.

SE VOCÊ GOSTOU DE “EPISÓDIOS PROIBIDOS DE POKÉMON”, LEIA TAMBÉM:

30 animes disponíveis no Prime Video

Os bastidores de filmes de terror

15 filmes da Dreamworks disponíveis em streaming

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *